18 de janeiro de 2015

PREFEITOS DO NORDESTE PRETENDEM CRIAR G-20 DO SEMIÁRIDO


Prefeitos dos maiores municípios do interior do Nordeste estão se articulando para criar o G-20 Semiárido. O objetivo é levantar as demandas da região para os governos estaduais e federal e buscar alternativas para o desenvolvimento econômico e social do Semiárido. Juntos, esses municípios somam um Produto Interno Bruto (PIB) anual de R$ 50 bilhões e uma população de 4,6 milhões de habitantes. Na Paraíba, vão integrar o G-20 Semiárido, Campina Grande e Patos.
A proposta partiu do prefeito de Petrolina (PE), Julio Lóssio (PMDB), e foi logo apoiada pelo prefeito de Campina, Romero Rodrigues (PSDB), e pelo vice-prefeito de Patos, Lenildo Morais (PT), atual secretário estadual de Agricultura Familiar e Desenvolvimento do Semiárido. A prefeita patoense, Francisca Motta (PMDB), disse que ainda aguarda receber o projeto na íntegra do G-20 Semiárido para se pronunciar.
O secretário de Planejamento da Prefeitura de Petrolina, Geraldo Júnior, esteve em Campina esta semana e se reuniu com o titular da Seplan da PMCG, Márcio Caniello, para discutir o projeto.
De acordo com Julio Lóssio, o grupo chega com a proposta de promover discussões, entre os gestores e agentes dos governos estadual e federal, na tentativa de buscar alternativas para as dificuldades e impulsionar debates sobre questões políticas relacionadas à promoção da estabilidade financeira, desenvolvimento social e econômico, assumindo responsabilidades individuais e coletivas que irão beneficiar os municípios que compõem o grupo e também toda a região Nordeste.
Com a criação do G-20, o prefeito Julio Lóssio quer promover a integração de municípios da região semiárida com crescimento populacional pujante e potencialidades econômicas crescentes. Além de favorecer o diálogo sobre adoção de políticas que impulsionem avanços, o G-20 pretende dar visibilidade à representatividade dos municípios e diminuir as desigualdades econômicas e sociais dentro e fora do Nordeste.
“Nosso Semiárido tem potencialidades enormes, em diversos eixos econômicos, e a nossa proposta com o G-20 é atrair a atenção do governo federal para esses potenciais e, consequentemente, alcançar mais investimentos e ferramentas para continuar crescendo. Juntos formamos um conglomerado de cidades que são referências para outros municípios e centralizamos serviços disponíveis apenas em grandes centros. Temos capacidade de produzir muito mais e unidos podemos ir mais longe”, argumenta o prefeito Lóssio.
 
Fonte: jornaldaparaiba
Por: Josusmar Barbosa

A partir de segunda feira começarei a fazer Resenhas dos produtos que serão postos a venda para vocês!! Aguardem.