18 de julho de 2011

CURSO DE BACHARELADO INTERDISCIPLINAR - BI

O Curso de Bacharelado Interdisciplinar (BI) é um curso superior de formação geral que vem ganhando cada vez mais espaço nas universidades federais.
Tudo começou em 2005, na Universidade Federal do ABC (UFABC), em São Paulo, desde que foi criada a Universidade só oferece cursos com base nesse modelo. Considerados mais flexíveis que os tradicionais, os Bacharelados Interdisciplinares oferecidos por instituições como UFABC, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Universidade Federal da Bahia (UFBA), são divididos em grandes áreas de conhecimento, tais como Ciência e Tecnologia, Saúde, Artes e Humanidades.
De acordo com o Ministério da Educação (MEC), 222,4 mil alunos cursaram disciplinas de graduações tradicionais em todo o Brasil no ano passado. E, pouco mais de nove mil chegou às universidades que oferecem cursos chamados de Bacharelado Interdisciplinar.
Onze universidades federais oferecem estes cursos, os mesmos têm duração em média de três anos e foram desenvolvidos para que os estudantes possam resolver “problemas multifacetados” da modernidade.
Os cursos de Bacharelado Interdisciplinar ou Curso de Formação Geral permitem ao estudante ter uma formação bem mais ampla. Mudando um pouco a forma tradicional de formação apenas de recursos humanos, e, partindo para uma formação com vários leques e múltiplas faces, oportunizando ao jovem uma discussão mais rica e completa em relação as questões éticas e sociais.
A forma de ingresso nestas faculdades varia, muitas estão adotando o (Enem) Exame Nacional do Ensino Médio.
Depois de cursar o BI, já com o diploma em mãos, o aluno pode fazer uma graduação tradicional na mesma instituição sem precisar passa por outro vestibular.
Na Universidade Federal da Bahia (UFBA), vinte por cento das vagas das graduações tradicionais são reservadas para os BIs.
O modelo de BI também varia de acordo com a universidade. Por exemplo, Na Universidade Federal Rural do Semi-Árido, no Rio Grande do Norte (UFERSA), o BI em Ciências e Tecnologia é, desde o segundo semestre de 2008, pré-requisito para cursar Engenharia. Já na UFBA, depois de aprovado, um aluno que se inscreveu no BI de Humanas passará três anos tendo aulas de disciplinas da área de conhecimento escolhida, e, também terá aulas de Ciência e Tecnologias, Saúde, Artes, Língua Portuguesa e mais Estudo da Contemporaneidade e Oficina de Textos.
O BI permite que os alunos entrem em contato com disciplinas básicas de Engenharia, e isso fica sendo um ciclo inicial. Após três anos, o aluno recebe o diploma em Ciência e Tecnologia, e decide se quer cursar mesmo Engenharia.
A verdade é que, o curso de formação geral, permite que o jovem escolha a carreira que quer seguir com mais maturidade. E, ainda terá uma excelente base em Matemática, Química, e Física.

Um comentário:

manoel piadas disse...

texto ótimo me esclareceu muito, obrigado!

Postar um comentário

Obrigada pela visita!
Fique a vontade e volte quando quiser.
Deixe seu comentário no quadro abaixo.
Bjussss Rosélia Santos.

A partir de segunda feira começarei a fazer Resenhas dos produtos que serão postos a venda para vocês!! Aguardem.