7 de março de 2013

HOMENAGEM A TODAS AS MULHERES DO MUNDO


Sou aquela que cuida do meu próprio interior. Aquela que vive e convive em harmonia com as pessoas. Aquela que se faz brilhar em convivências.
Aquela que ao lado do seu homem torna-se própria e insubstituível na responsabilidade de se ter uma família e concluir sua própria história no universo. Sou aquela que foi convocada para transmitir e guardar a vida humildemente. Sou aquela que acolhe e faz crescer quem está ao seu redor. Aquela que valoriza a vida, a inteligência, a cultura, a fé, a sensibilidade sem precisar diminuir os que estão ao seu lado. Aquela que se empenha e não mede esforços para promover um mundo mais humano e mais justo para todos. Aquela que muitas vezes é chamada de tola, pois, prefere esperar em Cristo, encontrar com Cristo, escutar Cristo e segui-lo sem medo e sem dúvida. Sou aquela que espera dia após dia com atenção, palavras e gestos únicos, um mundo de esperança para a humanidade.
Sou aquela mulher ideal... aquela que é maravilhosa acima de tudo. Pois, com um simples sorriso pode tudo. Provoca amor, Paz, felicidade e harmonia.
Sou aquela simples... simples por natureza, por isso, espalha toda a sua feminilidade com um simples gesto. Nesta sua simplicidade seu gesto torna-se grandioso para todos aqueles que ama e aqueles que a amam, pois, estes possuem no seu mais íntimo pensamento a certeza de que poderá contar com ela e envelhecerem juntos.
Sou aquela que incentiva, que dá força e repreende, mas que jamais abandona e deixa só. Sou aquela que sabe que para receber é preciso dar e se doar com a mesma intensidade e humildade. Aquela que sabe que muitas vezes perdoar não significa esquecer. Aquela que sabe que não é santa nem pecadora, Ingênua ou sedutora, Não importa! Será sempre uma rainha, uma fada madrinha para aqueles que por ela chamam, seja na aflição, na amargura ou mesmo para comemorar momentos felizes.
Sou aquela que mostra sua beleza todos os dias, suas imperfeições a toda hora, suas alegrias e tristezas a todo minuto e o seu amor a todo segundo. Sou
aquela que não é perfeita, mas busca a perfeição em todos os seus gestos e atitudes. Sou aquela que mesmo sem o perdão dos anos, continua com o mesmo sorriso de menina e de adolescente, pois, entende que o enrugar de sua pele e a cor dos seus fios de cabelo são ínfimo perante sua alma deslumbrante e feminina.
Enfim, sou Ana, Bernadete, Claúdia, Danila, Estela, Francisca, Gabi. Sou  Heliane, Iluska, Josineide, Joana Darc,  Laisa, Maria Helia, Nilzinha, Olioneide, Patrícia, Quezia, Rosélia, Socorro, Telma, Uilma, Vera, Ximenia, Zélia.
Sou aquela que admira todas as mulheres do mundo, pois, todas somos anjos, criatura iluminadas, forte e sensível ao mesmo tempo. Porém, nenhum sentimento, nenhum sofrimento nos tira nossa verdadeira essência – a essência única nos dada por Deus – a de ser simplesmente “Mulher”.

Rosélia Santos

3 comentários:

iluskhanney gomes de medeiros nóbrega nóbrega disse...

Uma mulher irreverente e linda por dentro e por fora.

Débora Pricila Santos disse...

Nossa me emocionei que texto lindo. Sou feliz por ser mulher e receber uma homenagem dessa. Obrigada Rosélia Santos.

Anônimo disse...

Você é uma mulher realmente admirável. Gosto do que você escreve. Abraçõs

Postar um comentário

Obrigada pela visita!
Fique a vontade e volte quando quiser.
Deixe seu comentário no quadro abaixo.
Bjussss Rosélia Santos.

A partir de segunda feira começarei a fazer Resenhas dos produtos que serão postos a venda para vocês!! Aguardem.